quarta-feira, abril 26, 2006

Explica-me como se fosse um puto de 4 anos

Porquê? Porquê? Porquê?
Vá lá diz-me lá porquê?

Porquê que tu ouves musica do Ipod, e eu dum canhão?
Porquê que tu danças ao som da musica, e eu das balas?
Porquê que tu deitas na cama e eu nas valas?
Porquê que na tua terra existe paz, e na minha não?

Porquê? Porquê? Porquê?
Vá lá diz-me lá porquê?

Porquê que tu tens liberdade, e eu dela saudade?
Porquê que tu podes dormir, e eu apenas fingir?
Porquê que pela vida podes sorrir, e eu apenas competir?
Porquê que tu tens tanta facilidade, e eu adversidade?

Porquê? Porquê? Porquê?
Vá lá diz-me lá porquê?

Porquê que tu podes crescer , e eu nem comer?
Porquê que tu podes brincar, e eu nem andar?
Porquê que tu podes louvar e eu apenas tremer?
Porquê que tu podes morrer e eu nem viver?

Porquê? Porquê? Porquê?
Vá lá diz-me lá porquê?

1 comentário:

PESCADOR disse...

...porquê?
Boa pergunta.

Todos temos os nossos porquês, só não temos os dos outros.